Mostrando postagens com marcador Literatura Portuguesa. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Literatura Portuguesa. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

O Filho de mil homens

Autor: Valter Hugo Mãe
Editora: Cosac Naify
ISBN: 8540501732

Português
256 páginas no formato Papel
Formato Lido: Digital, Kindle

Sinopse oficial:
Com vontade imensa de ser pai, o pescador Crisóstomo, um homem de quarenta anos, conhece o órfão Camilo, que um dia aparece em sua traineira. Ao redor dos dois, outros personagens testemunham a invenção e construção de uma família em vinte capítulos. Valter Hugo Mãe, ao falar de uma aldeia rural e dos sonhos anulados de quem vive nela, atravessa temas como solidão, preconceitos, vontades reprimidas, amor e compaixão.

Por que eu li?
Na verdade foi após uma entrevista do autor que eu escutei no programa de rádio da CBN, Fim de Expediente onde ele contou o processo de escrever o livro e achei bem interessante.

Qual foi a minha opinião:
Gostei muito do autor, só achei um pouco prolixo por voltar várias vezes no mesmo tema o que faz a leitura em alguns momento ficar um pouco entediante. Vou ler outro livro dele para tentar identificar se esta é sua característica ou é o livro que tem esta característica. Também, confesso que é o primeiro escritor Português depois de Fernando Pessoa, que leio até o fim, por isso também não acostumado a dinâmica de escrita.

segunda-feira, 15 de julho de 2013

1822

Autor: Laurentino Gomes
Editor: Ediouro
ISBN: 9788520924099

Português
Formato lido: Digital, Kindle
328 páginas no formato papel

Sinopse:
Um livro que desvenda os acontecimentos históricos com uma metodologia sem falhar e que se lê com um sorriso nos lábios. "Foi como um simples tropeiro, às voltas com as dificuldades naturais do corpo e de seu tempo, que D. Pedro proclamou a Independência."

O livro 1822 pretende mostrar que país era este que a corte de D. João deixava para trás ao retornar a Lisboa, em 1821. Vai falar do Grito do Ipiranga, das enormes dificuldades do Primeiro Reinado, da abdicação de D. Pedro, em 1831, sua volta a Portugal para enfrentar o irmão, D. Miguel, que havia usurpado o trono, e a morte em 1834.
Por que eu li?/O que achei do livro:
Como já disse em outros posts, como por exemplo:
Eu amo ler sobre a história Brasileira e este é um dos livros que não pode faltar pois retrata com riqueza de detalhes momentos sórdidos e fundamentais de nossa história. O autor escreve muito bem, além de manter um bom humor fundamental para este tipo de leitura não se tornar enfadonha.